Tecnologias em Feridas - Ácido Hialurônico

Ácido Hialurônico


Descrição

Biopolímero formado pelo ácido glucurônico e a N-acetilglicosamina. De textura viscosa, existe no líquido sinovial, humor vítreo e no tecido conjuntivo colágeno de numerosos organismos, sendo uma importante glicosaminoglicana (GAG) na constituição da articulação. Sua aplicação na medicina de reabilitação, em especial no tratamento de feridas, contribui para a formação de colágeno e elastina, tem alto poder regenerante e promovem hidratação profunda da pele.

O ácido hialurônico pode estar associado à extrato de Carica Papaya, Extrato de Aloe Vera, Extrato Andiroba, Alecrim, Melaleuca, Sulfadiazina de Prata e outros excipientes.

Indicação de uso do Ácido Hialurônico:

  • Coadjuvante no tratamento de:
    • Pé Diabético.
    • Feridas e Lesões em geral.
    • Ulcerações na pele.
    • Linfagite Bolhosa.
    • Herpes.
    • Queimaduras de 1º e 2º graus.
    • Feridas Traumáticas.
    • Radiodermite.
    • Carcinoma.
    • Feridas Diabéticas.
    • Fasceíte Necrotizante.
    • Psoríase Eritrodérmica, em Placas, Pustulosa.
    • Ictiose.
    • Erisipela.
  • Áreas cruentas pós-trauma ou ressecção cirúrgica.
  • Feridas com formação de tecido de granulação.
  • Áreas doadoras e receptoras de enxertos dermo-cutâneos

Características:

  • Tem a capacidade de atrair as moléculas de água preservando a hidratação local.
  • Possui ação antisséptica, bacteriostática e bactericida (combate germes e bactérias).
  • Auto degrada o tecido necrótico.
  • Recuperação cutânea com rapidez e eficácia.
  • Permite a diminuição da dor local.
  • Se comporta como uma cobertura não aderente (gaze não aderente. Não adere ao leito da ferida.
  • Não deixa resíduos no leito da ferida.
  • Não provoca danos à pele do entorno nem traumatiza o leito.
  • Pode ser contraindicado na ferida que apresenta secreção purulenta.

Periodicidade de Troca:

  • Aplicação 1 vez ao dia, de acordo com recomendação do profissional de saúde ou de acordo com a bula.

Propriedade:

  • Sua apresentação para o tratamento de feridas pode estar associada à extrato de Carica Papaya, Extrato de Aloe Vera, Extrato Andiroba, Alecrim, Melaleuca, Sulfadiazina de Prata e outros excipientes.

 

Exemplos de disponíveis no mercado:

  • Hycos Regenerante Dérmico (Hycos Dermatologic – Akos Derma). Clique e saiba mais.
  • Hycos Reestruturante Cutâneo (Hycos Dermatologic – Akos Derma). Clique e saiba mais.
  • Hyaludermin (TRB Pharma)
  • Connettivina® (não disponível no Brasil)

 

ATENÇÃO: É importante que você saiba que essas informações não são suficientes para iniciar um tratamento. A conduta do tratamento de feridas requer a avaliação da lesão e do doente, de suas comorbidades e outras condições clínicas. Não realize auto-tratamento. Antes de usar qualquer tipo de curativo consulte um médico ou enfermeiro dermatologista (especialista). Em caso de dúvidas Fale com a Gente (clique aqui). O uso de curativos deve ser feito sob a supervisão de um profissional da saúde.

 

REFERÊNCIAS:

  • Portal Akos Derma.
  • Livro do Feridólogo Tratamento clínico-cirúrgico de feridas cutâneas agudas e crônicas